Letícia, 16. Preciso admitir, sou anti-social. Muito irônica, um pouco grossa e de vez em quando meiga. Gosto do meu lado apaixonada, mas quase nunca aparece. E meu lado safada chega a me assustar, mas quem não tem? Protetora e ciumenta ao extremo. Tenho um gênio difícil e um temperamento forte. Às vezes barraqueira, outras vezes calma até demais. Dura como pedra e frágil como vidro. Um poço de orgulho. E mais conhecida como a rainha dos dramas. É, essa sou eu. E sabe de uma coisa? Ainda tem gente que gosta. Since: 03.11.11

outros blogs
"Estamos bem mas não é muito. Estamos conversados, mas qual é o assunto?"

+ Paulo Leminski, em Catatatu.  (via paulo-leminski)
11 hours ago | 821 notes (originally from paulo-leminski)




11 hours ago | 713 notes (originally from lady-tameless)




11 hours ago | 2,358 notes (originally from paulo-leminski)



poesilia:

Paulo Leminski (em “Toda poesia”)

poesilia:

Paulo Leminski (em “Toda poesia”)

11 hours ago | 1,137 notes (originally from poesilia)



"Carrego o peso da lua,
Três paixões mal curadas,
Um saara de páginas,
Essa infinita madrugada."

+ Paulo Leminski (via paulo-leminski)
11 hours ago | 1,356 notes (originally from paulo-leminski)



bookoteca:

Toda Poesia - Paulo Leminski

bookoteca:

Toda Poesia - Paulo Leminski

11 hours ago | 1,195 notes (originally from bookoteca)




11 hours ago | 1,167 notes (originally from libertinna)



"Perdi-me na vida
achei-me nos sonhos."

+ Paulo Leminski (via paulo-leminski)
11 hours ago | 2,552 notes (originally from paulo-leminski)



"Nesta vida, pode-se aprender três coisas de uma criança: estar sempre alegre, nunca ficar inativo e chorar com força por tudo que quiser."

+ Paulo Leminski (via paulo-leminski)
12 hours ago | 2,482 notes (originally from paulo-leminski)



"Um homem com uma dor é muito mais elegante. Caminha assim de lado, como se chegando atrasado, andasse mais adiante. Carrega o peso da dor, como se portasse medalhas. Uma coroa, um milhão de dólares ou coisa que os valha. Ópios, édens, analgésicos. Não me toquem nessa dor. Ela é tudo o que me sobra. Sofrer vai ser a minha última obra."

+ Paulo Leminski (via quoteiros)

(via quoteiros)

12 hours ago | 3,481 notes (originally from quoteiros)




12 hours ago | 4,448 notes (originally from brazilwonders)




12 hours ago | 5,008 notes (originally from a-realidade-nos-espera)